VisitCuba - Portal de Turismo de Cuba

go to content

Sopas

Limpa-se o cação tirando a sua pele e corta-se às postas salpicando-o de sal por algum tempo.

Entretanto, arranjam-se os coentros e utilizam-se só as folhas que irão para um almofariz com alguns dentes de alho e sal grosso para se pisarem.

Num tacho coloca-se uma quantidade de azeite e mistura-se ao piso obtido umas folhas de louro e um pouco de colorau dissolvido num pouco de água.

Deixa-se refogar muito pouco para os coentros ficarem verdes e acrescenta-se água e as postas do cação.

Deixa-se cozer o peixe e um pouco antes da cozedura terminar, deita-se um polme feito com um pouco de água, farinha e vinagre para engrossar um pouco o caldo.

Prova-se de sal. Numa terrina coloca-se o caldo sobre umas fatias de pão caseiro que esteja duro e come-se em prato fundo, juntamente com a posta do cação.

Faz-se um piso de alho e sal num almofariz.  Arranja-se o tomate, que deve de estar maduro, e cortam-se aos cubos pequenos assim como o pepino – retirando-se as sementes do meio – e o pimento verde cortado da mesma forma.

Numa tigela ou terrina deita-se a massa do alho obtida do piso, junta-se o azeite necessário, o vinagre e água fresca. Com uma colher misturam-se os produtos e prova-se o sal.

De seguida deitam-se no caldo o tomate, o pepino, o pimento verde e um pouco de orégãos misturando novamente com a colher.

Faz-se de pão caseiro que esteja duro, umas sopas em cubos um pouco maiores do que os cubos dos legumes e juntam-se ao caldo.

O Gaspacho pode ser acompanhado com paio e presunto cortado em pequenos pedaços, que normalmente entram no caldo juntamente com as sopas de pão ou com carapaus fritos, petingas fritas ou sardinhas assadas.

Ingredientes:

  • Feijão
  • carrasquinhas (cardos)
  • cebola
  • alho
  • salsa
  • colorau
  • sal
  • azeite
  • agua
  • pão
  • peixe frito

Confeção:

Coze-se o feijão demolhado, só com água. A parte faz-se o refogado com cebola,alho,salsa e um pouco de colorau, sal, e azeite e reserva-se.

Cozem-se as carrasquinhas depois de limpas, em água mas só para lhes dar uma fervura. Depois de cozidas juntam-se ao refogado e mexe-se. A seguir junta-se o feijão e um pouco de água para ficar com caldo.

Retiram-se as carrasquinhas e o feijão e servem-se numa travessa à parte. O caldo serve-se com sopas de pão. Pode ser servido também com peixe frito.

 

 

Ingredientes:

  • Cação
  • azeite
  • cebola
  • alho
  • louro
  • farinha
  • água
  • vinagre
  • coentros
  • ovos
  • pão

Confeção:

Faz-se um refogado com azeite, cebola, alho picado, e uma folha de louro. Depois junta-se a água a e quando estiver cozido retira-se.

À parte faz-se um polme (mistura de água, farinha e vinagre) e aos poucos vai-se juntando, ao caldo onde cozeu o cação. Vai-se mexendo sempre. Junta-se um raminho de coentros ao preparado e depois deitam-se os ovos para escalfar e junta-se ao cação que se tinha retirado.

Serve-se com sopas de cação.

Ingredientes:

  • Grão
  • arroz
  • tomate
  • alho
  • azeite
  • água

Confeção:

Faz-se um refugado com cebola alho, azeite e tomate. Junta-se o grão já demolhado e cozido.

Depois retira-se o grão e junta-se ao refugado o arroz em crú mais agua a ferver.

Quando o arroz estiver cozido junta-se novamente o grão.

Este prato fica caldoso e acompanha com carapau frito.

Ingredientes:

  • Feijão amarelo
  • azeite
  • linguiça
  • toucinho
  • cebola
  • alho
  • louro
  • sal
  • batata
  • água
  • vinagre

Confeção:

Fritam-se as rodelas de linguiça em azeite com pedacinhos de toucinho. Depois retiram-se e aproveita-se o molho para refogar a cebola, alho, louro e uma pitada de sal.

A parte coze-se o feijão já demolhado e junta-se ao refugado.

Juntam-se também batatas ao quadrado.

De seguida juntam-se a água até as batatas cozerem. À parte faz-se um polme (farinha, água) batendo sempre o garfo, deita-se o polme no preparado de feijão e junta-se o vinagre a gosto.

Finalmente acrescenta-se o toucinho e a linguiça que se tinha tirado no início.

Ingredientes:

  • Um molho de coentros ou um molho de poejo pequeno
  • 1,5 l de água
  • 2 dentes de alho
  • uma colher de sal
  • azeite
  • vinagre
  • azeitonas
  • 400 gr de pão duro

Confeção:

Pisam-se num almofariz, reduzindo-se a papa, os coentros com os dentes de alho.

Punha-se a água a ferver numa panela.

Deita-se o preparado numa tijela (terrina). Rega-se com azeite e escalda-se com agua a ferver, onde previamente se escalfaram os ovos (de onde se retiraram).

Mexe-se a açorda com uma fatia de pão grande, com que se prova a sopa.

Esta sopa dá-se o nome de sopa mestra, introduz-se então no caldo o pão, que foi cortado em fatias ou em cubos com uma faca, ou partido a mão.

Muitas vezes na água já se cozeu os ovos e a posta de pescada ou de bacalhau.

Ingredientes:

  • molhos de beldroegas
  • cebola
  • batatas
  • azeite
  • alhos
  • pão caseiro
  • ovos
  • queijo fresco

Confeção:

Preparam-se as beldroegas apenas aproveitando as folhas, o molho deve ser grande. Cortam-se as cebolas, as rodelas e alouram-se com o azeite.

Juntam-se as folhas das beldroegas lavadas e deixam-se refogar muito bem, mexendo com uma colher de pau.

Regam-se com cerca de 1 litro de água e deixa-se levantar fervura. Retiram-se as peles brancas a cabeça dos alhos, que se introduzem inteiras na panela com o caldo a ferver. Junta-se ainda as batatas cortadas as rodelas grossas. Tempera-se a sopa com sal e deixa-se cozer. Na altura de servir, introduz-se no caldo os ovos um a um e deixam-se escalfar. Por fim metem-se na panela os queijinhos frescos cortados aos quartos. Tem-se o pão cortado as fatias numa terrina e rega-se com o caldo. Á parte servem-se as batatas, os ovos e as beldroegas e os queijinhos.